Go to Top
  • Nenhum produto no carrinho.

Presidente do CRUB cumpre agenda de trabalho em Brasília

O presidente do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (CRUB), reitor Dr. Benedito Guimarães Aguiar Neto, esteve entre os dias 2 e 3 de abril, em Brasília para cumprir agenda de reuniões do CRUB.

O primeiro encontro ocorreu no dia 02 de abril, no Ministério da Educação, em uma agenda extraordinária o presidente do CRUB, esteve reunido com o secretário de Regulação do Ensino Superior do MEC, Marco Antônio Barros Faria, e o Diretor de Política Regulatória, Marcos Heleno Guerson.

Na ocasião o reitor Benedito Guimarães, abordou sobre o trabalho que é desenvolvido pelo CRUB, juntamente com a apresentação de alguns assuntos quem vem sendo debatidos pelos reitores no Colegiado, dentre eles: o protagonismo do ENADE na avaliação das IES; as recorrentes ameaças à autonomia universitária; a oferta de cursos de pós graduação Lato Sensu por entidades que não são credenciadas como IES; e o apoio governamental para os cursos de licenciatura.

Já no dia 03 de abril a agenda ocorreu nas dependências do Conselho Nacional de Educação (CNE), a convite do presidente da Câmara de Educação Superior do CNE, conselheiro Antônio de Araújo Freitas Junior, o presidente do CRUB, participou de reunião com os conselheiros membros da Câmara de Educação Superior. O encontro teve o objetivo de dialogar sobre o futuro e desafios da universidade brasileira na visão do CRUB.

No início de sua fala, o presidente do CRUB, reitor Dr. Benedito Guimarães, ofereceu aos conselheiros uma visão panorâmica da preocupante situação em que encontra a educação básica e superior, tomando como referência pesquisas realizadas por diferentes entidades e dados coletados em órgãos oficiais.

Dando sequência em sua fala o presidente, apresentou um itinerário para a melhoria da educação brasileira, tendo como referência documento já entregue ao MEC e subscrito pelas entidades que fazem parte do CRUB, que passa pelos pontos: da revisão dos propósitos do ENADE a fim de corrigir o protagonismo que ele adquiriu na avaliação das IES; o resgate do princípio da autonomia universitária; a revisão da Resolução CNE 01/2018 que permitiu a oferta de cursos de Pós-graduação Lato Sensu por entidades que não são Instituições de Ensino Superior; a Valorização da carreira docente por meio do fomento governamental para os cursos de licenciatura que, em muitos, casos, estão em processo de extinção. Essa iniciativa passa pela construção de um modelo à semelhança do FIES, mas específico para as licenciaturas no setor privado, além de garantia de investimento na universidade pública.

No avanço do debate, foram tecidas propostas, levantadas pela Comissão, de verificar como o CRUB poderia contribuir para superar a fragmentação da educação brasileira; além de aprofundar a parceria para que o CRUB possa ser um divulgador dos resultados da pesquisa brasileira; e a criação de uma câmara permanente de diálogo junto com o Colegiado de Reitores.

Participou ainda das agendas o secretário executivo do CRUB, prof. Afranio Gonçalves Castro.

Comunicação CRUB
(61) 3349-9010

 

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful